Início Márcia Pontes Trânsito: os novos sentidos de circulação no Viaduto da Mafisa e a...

Trânsito: os novos sentidos de circulação no Viaduto da Mafisa e a expectativa dos motoristas, por Márcia Pontes

Mudanças no sentido de circulação, novas alças de acesso, um viaduto novo, necessidade de mudar de faixa de tráfego a tempo para não passar direto sentido Alto Vale e o fim do trevo embaixo do viaduto da Mafisa, considerado um dos principais gargalos para quem vai seguir pela BR-470 e seus trechos municipalizados. A partir desta segunda-feira (17), a BR-470 passa a ter fluxo livre com a liberação para o tráfego no ponto de duplicação no viaduto da Mafisa, porém algum congestionamento é esperado no cruzamento entre a SC-108 com a Rua Guilherme Scharf, onde há um semáforo (aliás, um problema antigo). Esse ponto é conhecido dos moradores da região e motoristas como um dos nós do trânsito que ainda precisa ser desfeito. Na coluna de hoje, a gente explica para você como serão os novos sentidos de circulação no Trevo da Mafisa e algumas das principais expectativas dos motoristas e moradores da região com a mudança.

Sentido Gaspar / BR-101 para Indaial / Rio do Sul

Quem vem de Gaspar pela BR-470 e quer acessar o bairro Fidélis deve pegar a saída 50-A e virar à direita na Rua 1º de Janeiro. Para acessar a 1º de Janeiro pelo outro lado da pista de quem vem pela Itoupava Norte, é necessário agora pegar a saída 50-A e prosseguir até a passagem inferior cruzando a BR por baixo do viaduto, passar por uma rotatória e seguir à direita. Caso a intenção do motorista seja fazer o retorno, ele deve pegar a saída 50-A, ir até a passagem inferior, cruzar por baixo do viaduto a BR-470 e passar pela rotatória. Seguindo pela esquerda, consegue retornar à rodovia.

Se o motorista vem de Gaspar/BR-101 com destino à Massaranduba e Jaraguá tem que pegar a saída 50-B e seguir em frente normalmente como fazia antes da duplicação da BR-470 no trevo da Mafisa. Já para vem de Gaspar e quer acessar Blumenau pela Rua Pedro Zimmermann é bom lembrar que não existe mais o trevo em baixo do viaduto: deve-se pegar a saída 50-B até encontrar a SC-108, virar à esquerda, passar por cima do viaduto da Mafisa e seguir em direção a Pedro Zimmermann. O sentido de circulação em cima deste viaduto passa a ser de mão única em direção à Massaranduba/Jaraguá do Sul/Blumenau. Se o destino é de Gaspar/BR-101 e pretende seguir em direção à Indaial e Rio do Sul deve seguir reto normalmente pela BR-470 sem qualquer alteração na rota a que estava acostumado.

Sentido Massaranduba / Jaraguá para BR-470

Quem vem pela SC-108 de Massaraduba/Jaraguá sentido Indaial/Rio do Sul tem que seguir na pista à esquerda até antes de subir o elevado e interceptar a BR-470; segue à direita passando por baixo do viaduto e segue em frente. Já quem vem da SC-108 para acessar Blumenau deve passar por cima do viaduto da Mafisa e prosseguir até a Rua Dr. Pedro Zimmermann. Quem vem da SC-108 sentido Gaspar/BR-101 passa por cima do viaduto da Mafisa e vira à esquerda; se a intenção é vir pela SC-108 e fazer o retorno o trajeto é o mesmo contornando o viaduto na rota para a rodovia.

Sentido Indaial / Rio do Sul

Quem vem do sentido Indaial/Rio do Sul para Gaspar/BR-101 deve pegar a saída 51 antes do viaduto da Mafisa e seguir pela Rua Dr. Pedro Zimmermann. Para o sentido Massaranduba/Jaraguá, o motorista pega a saída 51 antes do viaduto da Mafisa, passa por baixo dele e segue pela faixa da esquerda; vai atravessar a rodovia passando por cima do novo viaduto da BR-470 para pegar a SC-108. No retorno, é o mesmo trajeto, só que o motorista vai virar à direita e passar por baixo do viaduto até se integrar na BR-470.

Sentido Blumenau / BR-470

Quem vem trafegando pela Pedro Zimmermann sentido Gaspar/BR-101 deve se manter à direita na alça de acesso sinalizada; para seguir pela SC-108 sentido Massaranduba/Jaraguá o motorista se mantém à esquerda na alça de acesso, passa por cima do novo viaduto da BR-470 e continua pela SC-108. Se o destino é Indaial/Rio do Sul deve se manter à esquerda na alça de acesso à Massaranduba, passar por cima do novo viaduto da BR-470 e pegar o primeiro retorno à esquerda. Se o objetivo é fazer o retorno para Blumenau, o motorista continua se mantendo à esquerda, passa por cima do novo viaduto da BR-470 e segue em direção à SC-108 para fazer o retorno à esquerda, para em seguida mudar para a faixa da direita e passar por cima do viaduto da Mafisa para acessar de novo a Rua Pedro Zimmermann.

Sentido Bairro / Itoupavazinha (Blumenau) / BR-470

Quem vem do bairro Itoupavazinha para Indaial/Rio do Sul acessa a via lateral direita antes do viaduto da Mafisa e prossegue para a rodovia BR-470, vira à direita passando pela lateral da rodovia. Já se o destino é a Rua Dr. Pedro Zimmermann, o motorista deve pegar o segundo acesso à direita, passar por cima do viaduto da Mafisa e seguir em frente. Quem vem da Itoupavazinha para Gaspar/BR-101 passa por cima do viaduto da Mafisa, acessa a alça à esquerda e se mantém na pista da direita até se integrar na rodovia. Saindo do bairro Itoupavazinha sentido Massaranduba/Jaraguá, o motorista passa por cima do viaduto da Mafisa e acessa a alça à esquerda para passar em cima do novo viaduto da BR-470 e acessar a SC-108.

Expectativa dos motoristas

Nada melhor do que considerar a opinião de quem mora na região, conhece bem o local e trafega por ali com frequência para se ter um indicativo do impacto das novas mudanças com a duplicação da BR-470 no viaduto da Mafisa. Há motoristas que afirmam que vai mudar para melhor, principalmente para quem entra e sai da Pedro Zimmermann para pegar a BR-470. Outra vantagem apontada por motoristas é para quem vai da Itoupava Norte em direção à Itoupava Central sem ter que passar pela Uniasselvi ou pelo viaduto da Mafisa.

Outro sentiu falta da falta de alça de acesso para quem vem do sentido Norte da cidade e quer entrar na BR-470 sentido litoral, o que só pode ser feito contornando o trecho até o shopping. Um motorista acredita que vai afogar o trânsito na saída da Dr. Pedro Zimmermann com risco de trancar o trânsito em cima da BR nos horários de pico. Houve quem afirmou que na saída da alça na rodovia será um lugar perigoso, onde vai ter que mudar de faixa de tráfego para acessar a Rua Frederico Jensen porque os motoristas vêm chutados da Itoupava Central.

Alguns motoristas alertam que a iluminação precisa ser melhorada no local para tornar o tráfego à noite mais seguro, enquanto outros aponta a falta de acostamento em caso de emergência. Mas, em uma coisa muitos parecem concordar: mesmo sendo de competência estadual, o prolongamento da Via Expressa vai melhorar muito no futuro o fluxo viário na Rua Dr. Pedro Zimmermann. Outra percepção em comum é de que haverá um gargalo no semáforo próximo ao posto na SC-108 com a Rua Guilherme Scharf, um ponto crítico antigo ali naquele trecho.

O fato é que mudanças na sinalização e nos trajetos alteram sobremaneira o modo de se deslocar em via urbana ou rodovia e é necessário atenção às placas e muita sobriedade para dirigir. E a sua expectativa, leitor, qual é? Vai ficar melhor depois que a obra for acabada? E do jeito que está?

Texto escrito por MÁRCIA PONTES

Márcia Pontes é escritora, colunista e digital influencer no segmento de formação de condutores, com três livros publicados. Graduada em Segurança no Trânsito pela Unisul, especialista em Direito de Trânsito pela Escola Superior Verbo Jurídico, especialista em Planejamento e Gestão do Trânsito pela Unicesumar. Consultora em projetos de segurança no trânsito e professora de condutas preventivas no trânsito. Vencedora do Prêmio Denatran 2013 na categoria Cidadania e vencedora do Prêmio Fenabrave 2016 em duas categorias.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

Manutenção em ponte interdita o trânsito em rua no bairro da Velha nesta quinta

Nesta quinta-feira (24) durante todo o dia, a Secretaria de Conservação e Manutenção Urbana (Seurb) fará a manutenção em uma ponte de...

Morre aos 86 anos Maria Piaz, mãe do comunicador Alexandre José

Faleceu na manhã desta quinta-feira (24), no Hospital Ruth Cardoso, em Balneário Camboriú, Maria Piaz, de 86 anos, mãe do comunicador Alexandre...

Motorista morre após carro bater em árvore e pegar fogo em rodovia de Timbó

Notícia em atualização.O acidente aconteceu por na manhã desta quinta-feira (24) na SC-417, bairro Capitais, em Timbó. O...

Durante abordagem policial, mulher foragida da Justiça é presa no Valparaíso

Era por volta de 0h16 da madrugada desta quinta-feira (24), quando uma guarnição da Polícia Militar abordou um veículo na Rua Oscar...

Adolescentes de 13 e 14 anos são apreendidos suspeitos de roubo em Blumenau

A apreensão ocorreu por volta das 21h11min desta quarta-feira (23) na Rua Maria Balbina Zimmermann, no bairro Escola Agrícola, em Blumenau, após...