InícioSaúdeCidades catarinenses devem receber vacinas contra a Covid-19 para bebês até sexta-feira

Cidades catarinenses devem receber vacinas contra a Covid-19 para bebês até sexta-feira

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica divulgou que as doses para a vacinação de bebês e crianças de seis meses a dois anos de idade começaram a ser distribuídas. O imunizante da Pfizer será entregue nas centrais regionais das Unidades Descentralizadas de Vigilância Epidemiológica ainda nesta quarta-feira (16).

Nos bebês e crianças de até dois anos ela deve ser aplicada no esquema de três doses, com quatro semanas de intervalo entre a primeira e a segunda dose e oito entre a segunda e a terceira dose. A população total estimada entre seis meses e dois anos é de 244.674 bebês e crianças.

Das 34 mil doses recebidas pelo estado na última sexta-feira (11), 11.290 doses estão sendo enviadas aos municípios neste primeiro momento. As demais ficarão armazenadas na Rede de Frio estadual para garantir a aplicação da segunda e terceira doses.

• Clique aqui e faça parte do nosso grupo de notícias no WhatsApp

Cidades devem receber as doses até o fim da semana

A distribuição começou pela manhã, por volta das 8h. As doses seguiram via terrestre para as centrais regionais da Grande Florianópolis, Itajaí, Blumenau, Joinville, Criciúma, Araranguá, Tubarão, Mafra, Jaraguá do Sul, Rio do Sul, Lages, Videira e Joaçaba. Para as centrais de São Miguel do Oeste, Chapecó, Xanxerê e Concórdia, o transporte é feito pelo avião do Corpo de Bombeiros Militar.

Doses separadas por idade

A gerente de imunização da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE), Arieli Fialho, reforça que devido ao pequeno número de doses que chegaram ao estado, a vacinação será escalonada por faixa etária, da menor para a maior, sendo que crianças com comorbidades têm preferência na vacinação, independentemente da faixa etária.

“Nessa remessa estamos enviando doses para a vacinação de bebês de 6 a 11 meses, mas se o bebê tem comorbidades, ele pode ser vacinado em qualquer faixa etária até dois anos. É importante que os pais, antes de levarem os filhos para vacinar, consultem as informações sobre locais, datas e faixa etária de vacinação com a secretaria de saúde do seu município de residência”, explica.

Em Santa Catarina, a recomendação é que a imunização ocorra nesta ordem: bebês de 6 meses a 11 meses e 29 dias; depois, bebês de 1 ano a 1 ano, 11 meses e 29 dias; e, por fim, crianças de 2 anos a 2 anos, 11 meses e 29 dias. A população total estimada entre seis meses e dois anos é de 244.674 bebês e crianças.

• Clique aqui e faça parte do nosso grupo de notícias no WhatsApp

Diferença entre as vacinas por idade

A vacina Pfizer para bebês a partir dos seis meses (tampa vinho) possui apresentação e dosagem diferenciada da formulação utilizada em adultos a partir dos 12 anos (tampa roxa) e também em crianças de cinco a 11 anos (tampa laranja).

João Fuck, diretor da DIVE/SC, ressalta que assim como as vacinas que já são aplicadas na população a partir dos três anos de idade para a prevenção da Covid-19, essa nova vacina para bebês de seis meses a dois anos de idade é segura e eficaz. “Pedimos, mais uma vez, que os pais levem os seus filhos para vacinar. A vacina ainda é a melhor maneira de proteger a população, evitando casos graves, hospitalizações e mortes pelo coronavírus”, finaliza.

Leia mais notícias de Blumenau e região

Carro e moto batem de frente em faixa reversível da Rua General Osório

Feriado da Proclamação da República tem grande público em frente ao 23º BI

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com