InícioBlumenauCães do Trapapet visitam idosos da Casa São Simeão

Cães do Trapapet visitam idosos da Casa São Simeão

Depois de dois anos e meio a cachorrinha Luna, uma beagle de 5 anos, reencontrou os idosos da Casa São Simeão, em Blumenau. E ela voltou “acãompanhada” da Meg e do Fred, novos cães terapeutas aprovados no processo de seleção Trapapet.

A retomada foi um momento de emoção, tanto para antigos quanto para os novos voluntários. “A Meg adorou poder levar um pouco de atenção e carinho nessa primeira visita e poder receber muitos cafunés. A felicidades que podemos proporcionar, nem que seja por um momento, acalenta o coração”, disse Juliano dos Santos, um dos novos integrantes Trapapet.

• Clique aqui e faça parte do nosso grupo de notícias no WhatsApp

Com a pandemia da Covid-19, as visitas aos hospitais e asilos precisaram ser suspensas. Desde abril deste ano, os voluntários Trapamédicos retomaram as atividades presenciais nas instituições hospitalares, seguidos agora pelos voluntários Trapapet. Em 2022 o grupo já soma mais de 1.200 visitas, tendo encantado quase 58 mil pessoas desde o início das atividades, no ano de 2009.

No total, 5 novos cães passaram a integrar o projeto, depois do processo de seleção iniciado no mês de julho. A primeira visita da Piper, da Dora e da Maya está prevista para o próximo dia 23 de outubro, aos idosos do Recanto das Cerejeiras. No total, o Trapapet conta atualmente com 6 cães terapeutas, além de seus tutores humanos e outros 6 voluntários sem cão, formando assim os trios que realizam as visitas.

Seja um voluntário

Para participar dos Trapamédicos é preciso se inscrever nos processos seletivos, quando há abertura de novas vagas. Este ano, a seleção realizada foi para voluntários interessados em fazer parte do projeto Trapapet. As inscrições iniciaram em julho e o processo foi finalizado em setembro, passando por etapas como: triagem das fichas de seleção, avaliação dos candidatos, workshop sobre o voluntariado, seleção dos cães e treinamento dos novos voluntários selecionados. O desenvolvimento e acompanhamento contou com a assessoria voluntária da empresa de recrutamento KeepTalent.

Foram 64 inscritos, com 33 fichas de seleção preenchidas e enviadas para seguir participando do processo. Destes, 22 interessados foram selecionados, sendo que 11 deles eram tutores de cães. Os peludos também foram avaliados pelo comportamentalista canino Yuri Laps, sendo que 5 deles apresentaram características necessárias para o desenvolvimento das atividades juto aos idosos. Assim, o Trapapet volta a ter estrutura para realizar visitas mensais em duas casas asilares de Blumenau.

Enquanto uma nova seleção não é aberta, interessados em fazer parte do grupo podem enviar e-mail para contato@trapamedicos.com.br e assim serão notificados quando o processo seletivo for iniciado.

Leia mais notícias de Blumenau e região:

Rede Feminina de Blumenau já tem data para começar atender no Celp

Família de mãe e bebê que morreram em acidente em Blumenau pede ajuda em vakinha virtual

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com