InícioSanta CatarinaVítimas de queda de calçada em Joinville começam a ser indenizadas

Vítimas de queda de calçada em Joinville começam a ser indenizadas

Dez pessoas que se feriram após uma calçada ceder durante a abertura do Natal Cultural de Joinville, em 22 de novembro de 2021, firmaram acordo com a Prefeitura e serão indenizadas pelo acidente. O acordo entre as partes foi homologado após audiência no Fórum Fazendário.

• Clique aqui e faça parte do nosso grupo de notícias no WhatsApp

Conforme o Poder Judiciário, os valores destinados a cada parte pelos danos morais foram definidos com base na gravidade das lesões sofridas no dia do fato. Para danos leves foi estipulado o valor de R$4 mil. Para danos graves R$8 mil.

Já a reparação de danos materiais foi analisada individualmente, conforme cada situação. Comprovado o prejuízo sofrido, foi concedido o direito a ressarcimento. As vítimas receberão o valor da indenização em até 10 dias úteis por meio de depósito em conta bancária.

Com isso, o processo entre as partes será encerrado, e as vítimas não poderão pedir novas indenizações sobre o ocorrido. De acordo com a prefeitura, novas homologações já estão previstas. Ao todo foram abertos 44 pedidos de indenização. Um foi indeferido e outros 29 seguem em análise.

Segundo o Instituto Geral de Perícias (IGP), a queda da calçada ocorreu devido a um giro de uma viga antiga que data da década de 70. Conforme levantado pelo IGP, foi feita a laje nova, o nivelamento e colocados pavers sobre a viga em questão.

Foto: Divulgação / Prefeitura de Joinville

O acidente

O acidente ocorreu logo nos primeiros minutos da apresentação de abertura do Natal Cultural de Joinville, em 22 de novembro de 2021, fazendo com que o espetáculo fosse interrompido. Parte da calçada às margens do Rio Cachoeira cedeu. Equipes de segurança e salvamento prestaram os primeiros-socorros, enquanto mais ambulâncias chegavam ao local.

O resgate foi conduzido pelos Bombeiros Voluntários de Joinville, Polícia Militar, Samu e Defesa Civil municipal e estadual. Também atuaram no suporte ambulâncias de empresas privadas. Técnicos do IGP e da Polícia Civil estiveram no local e fizeram um registro preliminar com fotos.

O evento foi interrompido por cerca de 40 minutos, período em que o atendimento foi prestado às vítimas. A cerimônia somente foi retomada após todas as vítimas serem atendidas e a Prefeitura de Joinville receber a informação que não havia nenhuma pessoa em estado grave.

Leia mais notícias de Blumenau e região:

Cidade catarinense registra a menor temperatura do país no ano

SC-108 entre Gaspar e Brusque será duplicada

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com