InícioNutriçãoNutrição: conheça os benefícios do pinhão, por Jaine da Silva

Nutrição: conheça os benefícios do pinhão, por Jaine da Silva

O pinhão é muito consumido no inverno, principalmente na região sul do país. O pinhão é uma semente que vem da araucária e é classificado como uma Panc, que é uma planta alimentícia não convencional, pelo fato de não ser comum em outras regiões do Brasil.

Existem inúmeras formas de consumir esse alimento, pode ser no entrevero, na farofa, na paçoca de pinhão, assado na chapa do fogão a lenha ou cozido. Essa semente oferece diversos benefícios para o nosso organismo, é rico em zinco, magnésio, cálcio e ferro, que são essenciais para várias reações no nosso metabolismo.

Além disso, também têm vitaminas do complexo b, que são importantes para nosso sistema cognitivo; propriedades bioativas e antioxidantes, que previne o dano oxidativo e o envelhecimento precoce das células, deixando o organismo mais forte contra os radicais livres.

O pinhão também tem baixo teor de gordura, é rico em fibras e possui um baixo índice glicémico, o que é uma ótima combinação, principalmente para diabéticos porque a glicose no sangue não vai subir de forma tão significativa.

Em média 11 pinhões forcem de 180 a 200 calorias, ou seja embora tenha diversas propriedades não é um alimento com baixo teor calórico, por isso é preciso tomar cuidado com os excessos. Além de tudo isso, é um alimento que possui um grande valor histórico e cultural para a região sul.

Jaine da Silva (CRN 10 9016) é nutricionista formada pela Universidade Regional de Blumenau (Furb). Atua na área de alimentação escolar no município de Petrolândia e na área clínica em Petrolândia, Ituporanga e região, de forma presencial e on-line.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com