InícioBlumenauTravesti assassinada em Blumenau levou oito tiros, aponta perícia

Travesti assassinada em Blumenau levou oito tiros, aponta perícia

A travesti Mônica, que foi assassinada na última quinta-feira (19) em Blumenau, levou oito tiros pelas costas, apontou perícia realizada pelo Instituto Médico Legal (IML). A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local do crime.

• Clique aqui e faça parte do nosso grupo de notícias no WhatsApp

Desde então, a Divisão de Investigação Criminal (DIC) trabalha para encontrar respostas sobre o homicídio. Responsável pelas investigações, o delegado Ronnie Esteves ouviu testemunhas e familiares da vítima no dia seguinte ao crime. Segundo ele, porém, ainda não há nenhuma novidade sobre o caso.

O crime

Identificada como Mônica, de 36 anos, a vítima foi executada a tiros em um ponto de ônibus localizado na Rua Engenheiro Udo Deeke, no bairro Salto do Norte, por volta das 22h45. Um grupo de pessoas que estava do outro lado da rua teria testemunhado o crime.

O Portal Alexandre José esteve no local momentos após o crime e acompanhou parte do trabalho da Polícia Militar. Confira:

Conforme testemunhas, o criminoso chegou ao local em uma moto e atirou diversas vezes contra a vítima, que morreu na hora. Ainda segundo as testemunhas, o suspeito fugiu do local logo após o crime. Policiais militares fizeram buscas pela região, mas o criminoso não foi localizado.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com