InícioPolíciaHomem que foi espancado a pauladas em Ascurra morre no hospital; Polícia...

Homem que foi espancado a pauladas em Ascurra morre no hospital; Polícia Civil investiga o caso

Morreu nessa quinta-feira (19) o homem que foi agredido a pauladas durante uma briga em Ascurra. Ele tinha 39 anos, era morador de rua e estava internado em estado grave no Hospital Santa Isabel, em Blumenau, mas não resistiu aos ferimentos e morreu quatro dias após o crime. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

• Clique aqui e faça parte do nosso grupo de notícias no WhatsApp

Um jovem de 22 anos, que teria assumido a autoria do crime, foi preso pela Polícia Militar momentos após o crime e levado à delegacia. Já um terceiro envolvido na briga, que também foi espancado a pauladas, segue hospitalizado. Seu quadro de saúde é desconhecido.

Investigações

Em entrevista ao Portal Vale Regional, o delegado responsável pelas investigações, Felipe Martins, disse que o crime foi registrado em um posto de gasolina na cidade. Segundo ele, houve uma sequência de brigas no local, envolvendo moradores de rua, funcionários e clientes da conveniência do estabelecimento.

“Estamos apurando a autoria e tentando descobrir quantas pessoas participaram desse crime”, disse o delegado. “A investigação está em curso, temos muitas pessoas sendo ouvidas. Tivemos acesso às imagens, e pelo que nós vimos foram pauladas. Verificamos que a vítima já estava caída quando um dos elementos continuava agredindo ela com um enorme bastão de madeira“.

Segundo o delegado, “ainda é muito cedo” para conclusões. “Temos que investigar, identificar as outras pessoas que ali estiveram. Vimos que pelo menos três pessoas participaram das agressões, mas precisamos entender melhor a situação”, afirmou o delegado. Ele disse ainda que os envolvidos no crime alegam ter agido em legítima defesa.

“Os autores das agressões alegaram ter ido ao socorro de uma terceira pessoa, que estava sendo agredida pelo morador de rua”, conta. “Segundo eles, o morador de rua teria partido para cima deles e iniciado a briga. Não afastamos essa possibilidade, mas a conduta de um dos envolvidos é excessiva, porque a vítima já estava caída quando levou mais dois golpes na cabeça”.

A ocorrência

O fato ocorreu por volta das 21h40 de domingo (15) em um estabelecimento comercial localizado às margens da BR-470, no bairro Ribeirão Santa Bárbara. Segundo relato de testemunhas, os três homens teriam se envolvido em uma briga no local. Dois deles foram encontrados no local, feridos.

O caso mais grave era do homem de 39 anos, que apresentava traumatismo cranioencefálico e fratura no braço direito. Ele foi atendido pelo Samu e conduzido ao Hospital de Indaial, sendo posteriormente transferido ao Hospital Santa Isabel – onde morreu quatro dias depois.

Já a segunda vítima, um homem de 36 anos, que também foi espancada a pauladas, apresentava uma lesão na face. Após atendido, ele foi conduzido pelo Samu até o Hospital de Ibirama. Seu quadro de saúde atual é desconhecido.

Enquanto isso, os policiais colheram informações para identificar o responsável pelas agressões. Ao realizarem rondas pela região, conseguiram localizar o suspeito, um jovem de 22 anos. Questionado, ele admitiu ter agredido um dos homens a pauladas. Diante dos fatos, ele foi preso e conduzido à delegacia.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com