InícioGeralEm Rio do Sul, sobe o número de pessoas em abrigos; saiba...

Em Rio do Sul, sobe o número de pessoas em abrigos; saiba como ajudar

A chuva em Rio do Sul afetou pelo menos 7 mil moradores, segundo o boletim divulgado pela prefeitura nesta quinta-feira (5). Para atender as pessoas que foram atingidas pela enchente, nove abrigos foram abertos. Nestes locais estão 115 famílias, totalizando 413 pessoas.

Enquanto isso, o nível do Rio Itajaí-Açu vem baixando na cidade: na leitura das 11h estava medindo 9,64 metros. O acumulado de chuva nas últimas 48h foi de 165 milímetros.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo de notícias no WhatsApp

Confira a situação nos abrigos:

  • Salão da comunidade Evangélica luterana, bairro Bela Aliança: 10 famílias – 37 pessoas;
  • Salão da comunidade Católica, bairro Bela Aliança: 22 famílias – 74 pessoas;
  • Salão da capela Santa Rita de Cássia, bairro Santa Rita: 11 famílias – 50 pessoas;
  • Sede do Lions Clube, bairro Progresso: 41 famílias – 129 pessoas;
  • Centro Evangélico da rua Ruy Barbosa, bairro Sumaré: 8 famílias – 31 pessoas;
  • Salão da Igreja São José Operário, bairro Laranjeiras: 6 famílias – 15 pessoas;
  • Sede da JCI, bairro Pamplona: 2 famílias – 6 pessoas;
  • Sociedade Atiradores, bairro Bela Aliança: 3 famílias – 6 pessoas;
  • Salão da igreja Nossa Senhora do Rosário, bairro Taboão: 12 famílias – 65 pessoas.

Doações

Os moradores que estão nos abrigos precisam de doações. A prefeitura de Rio do Sul centralizou as entregas de donativos na Obra Kolping, que fica Rua Adolfo Kolping, 484, no bairro Canta Galo. As pessoas também podem entrar em contato pelo telefone (47) 3525-1715. Veja abaixo o que as famílias estão precisando:

  • Alimentos para consumo rápido – Bolachas, pães, leite, café;
  • Água mineral;
  • Fraldas infantis descartáveis de todos os tamanhos;
  • Fraldas geriátricas descartáveis;
  • Absorventes;
  • Materiais de higiene pessoal – Creme dental, escova de dente, sabonete, xampu;
  • Materiais de limpeza;
  • Ração para cachorro e gato.

O Governo do Estado já iniciou a entrega de itens de assistência humanitária na cidade. Foram disponibilizados até o momento 16 colchões de casal, 16 kits de acomodação, 41 colchões de solteiro e 23 cestas básicas de alimentos.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com