InícioSegurançaConfira dicas para não cair no golpe da falsa venda pelas redes...

Confira dicas para não cair no golpe da falsa venda pelas redes sociais

Quem tem perfil em redes sociais como Instagram ou Facebook já deve ter visto aqueles stories de amigos que – do nada – começam a vender um monte de coisas a preços baixos. Esse tipo de anúncio merece atenção. Pode se tratar de um golpe recorrente: o da “falsa venda nas redes sociais”.

Como funciona o golpe

A pessoa que pretende aplicar o golpe cria um falso perfil na rede social, geralmente se passando por um perfil de hotel, balada ou restaurante popular na região para atrair as vítimas. Depois, o golpista começa a enviar mensagens aos usuários daquela região oferecendo promoções e prêmios pelo perfil falso.

Porém, como condição para participar da promoção ou ganhar o prêmio, o golpista pede o número de telefone do usuário e envia um link para esse número, alegando que se trata de um procedimento para cadastro. Quando o usuário clica nesse número, o golpista captura as credenciais da conta do perfil na rede social e invade a conta do usuário.

Após invadir a conta legítima, o golpista começa a publicar stories anunciando televisões, geladeiras, celulares e outros produtos em ótimo estado de conservação e com preços atrativos. Geralmente o story vem acompanhado de uma história que o usuário está se mudando ou que precisa de dinheiro para uma viagem. Confira um exemplo abaixo:

Os amigos dessa pessoa que demonstram interesse nos produtos geralmente fazem o pagamento por Pix ou transferência bancária, acreditando que estão comprando os produtos de alguém de confiança. A verdade é que os produtos sequer existem.

Como prevenir

É importante desconfiar quando os preços dos produtos estão muito abaixo dos oferecidos no mercado. Além disso, caso queira comprar algo de algum amigo do Instagram ou Facebook, procure falar com ele pessoalmente ou por ligação telefônica e não faça a comunicação somente por rede social.

Ao saber os dados do depósito, confira se as informações são mesmo da pessoa que está anunciando e, caso não for, não realize a transação. Além disso, é mais garantido fazer o pagamento presencialmente e não por Pix.

Quer receber as notícias do Portal Alexandre José direto em seu celular, pelo WhatsApp? Então clique aqui e entre em nosso grupo. Informação em tempo real, onde quer que você esteja!

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com