InícioEmerson LuisEsporte: BEC ao vivo e a cores, por Emerson Luis

Esporte: BEC ao vivo e a cores, por Emerson Luis

O torcedor do Blumenau tem razões de sobra para criar expectativas positivas sobre o trabalho produzido nos bastidores e o desempenho do time na Série C.

As últimas notícias são um prêmio pelo esforço despendido por diretoria e colaboradores.

O bequiano poderá assistir os jogos no estádio com a liberação do público.

Ou em qualquer lugar do planeta, pela internet.

Elenco do JEC comemora classificação para a 2ª fase da Série D. Foto: JEC

O clube fechou uma parceria com o Joinville.

Jogadores do time sub 20, outros que estão voltando de empréstimos, além dos que não estão sendo aproveitados na Série D do Campeonato Brasileiro farão parte do elenco.

A competição limita a idade em 23 anos.

Contudo, o regulamento mudou, e permite que até sete jogadores (acima dessa faixa etária) possam ser inscritos na súmula de uma partida.

Nomes como o lateral Gabriel Sales, 21 anos, e o volante Braga, 26, que estão cedidos até domingo (12) ao Fluminense de Joinville que disputa a Série B, vão ser aproveitados.

Assim como outros atletas que seguem em atividade na mesma segunda divisão que foram observados.

Volante Braga está voltando de empréstimo do Fluminense na Série B. Foto: JEC
Gabriel Sales também volta de empréstimo do Fluminense de Itaum. Foto: JEC

De acordo com o diretor de Futebol do Blumenau, Ivo Brehmer (que também é presidente do Floresta de Pomerode), na próxima terça-feira (14), os selecionados começam a trabalhar separadamente com foco apenas na terceira divisão estadual.

A ideia é reunir cerca de 20 jogadores até sexta-feira (17).

E no decorrer da disputa buscar peças pontuais para chegar em 25 ou até 30 atletas.

Diretor de Futebol Ivo Brehmer. Foto: Jornal de Pomerode

O Joinville também vai pagar os salários dos integrantes da comissão técnica.

Ela será encabeçada por Elton Belz que exerce a função de diretor Executivo do Blumenau.

Foi o responsável por essa aproximação.

Elton, 44 anos, foi o técnico do Sport Club Jaraguá na Série C de 2020.

Jogou e treinou no Floresta e no Caramuru de Pomerode.

Com 15 anos se mudou para Joinville para atuar na base tricolor.

Foi para a Alemanha.

Disputou a Bundesliga.

Parou cedo por causa de uma lesão.

Foi estudar para ser treinador.

Se especializou para ser gestor.

Elton Belz tem forte ligação com o futebol amador de Pomerode. Foto: Jornal de Pomerode

Os treinos vão ser no norte do estado.

O Blumenau irá custear as despesas com transporte e alimentação nos 10 confrontos (oito na fase de classificação e os dois da final se tudo der certo), além do registro dos jogadores na FCF.

Reformas seguem sendo feitas em Indaiasl. Foto: BEC

O BEC arrendou por três anos o estádio Ervin Blease em Indaial que pertence ao XV de Outubro.

Assumiu uma dívida antiga de R$ 25 mil.

Irá fazer a manutenção e reformar o campo.

Está construindo uma arquibancada para 500 lugares que vai aumentar a capacidade total para 1500 pessoas, apto inclusive para a Série B de 2022.

O local vai se transformar na “Arena BEC”.

O presidente Eduardo Corsini se orgulha em dizer que “o Blumenau é o primeiro clube do estado a negociar naming rights em um estádio”.

O contrato que também tem a duração de três anos já foi fechado com uma empresa de Blumenau.

Falta a assinatura oficial.

O nome e os valores, por enquanto, são segredo de estado.

Estádio Ervin Blease em Indaial. Foto: BEC

A estreia está marcada para o próximo dia 25, às 15h, no Gigante do Vale, contra o Caravaggio de Nova Veneza.

A tabela completa está aqui.

Turno único.

Os dois primeiros colocados garantem o acesso.

Público, em tese, liberado pelo governo do Estado, em 50%.

Preço único do ingresso já definido pela diretoria: R$ 30 (para se tornar sócio é R$ 39,90).

E a mais recente novidade que tenho o prazer de anunciar em primeira mão:

Todos os jogos (dentro e fora de casa) serão transmitidos ao vivo, em tempo real, pelo Portal Alexandre José.

Com uma estrutura de profissionais e equipamentos de ponta.

De graça!

Gramado do estádio Gigante do Vale passou por melhorias. Foto: BEC

É um momento que precisa ser valorizado e refletido.

Por tudo que está sendo feito até aqui, com suor e transparência, o clube merece, no mínimo, um voto de confiança e, consequentemente, apoio nesse processo de reconstrução.

Novos erros não serão avalizados.

Mais uma boa razão para que o comprometimento seja mútuo.

.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

    error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com