Início Nutrição Nutrição: posso tomar qualquer suplemento? Por Manoela Kraemer Fenilli

Nutrição: posso tomar qualquer suplemento? Por Manoela Kraemer Fenilli

A suplementação está cada dia mais corriqueira. Temos muita oferta em todos os lugares. São tantas opções que até ficamos perdidos. E com essa situação da pandemia, tudo que queremos é reforçar nossa imunidade cada vez mais, não é mesmo? Em muitos casos, é necessário e até recomendado, mas será que todos podemos tomar qualquer suplemento?

Abaixo coloco várias dicas sobre suplementação para ajudar no direcionamento correto e nas melhores escolhas. Tem muito conteúdo sobre esse tema. Vamos abordar os mais populares e os principais pensando de maneira geral e também na melhora da imunidade, que se tornou mais do que essencial de uns tempos pra cá! Então continua aqui comigo.

O óleo de peixe (suplemento de ômega 3) é muito importante incluirmos no dia a dia, pois não temos fontes suficientes desses nutrientes na dieta (salvo quem mora pertinho de águas profundas e tem uma alimentação a base de peixes). Incluir esse suplemento na rotina diária equilibra a relação de todas as gorduras, além de ser imunomodulador, antioxidante, antiinflamatório e atuar também na memória, raciocínio, foco e concentração.

É recomendado para gestantes, lactantes, bebês após aleitamento materno e crianças. E somente contraindicado para quem tem alergia a frutos do mar ou para quem tem problemas de coagulação sanguínea.

Vitamina D – geralmente deficiente por ter em poucas fontes alimentares – a mais abundante é o sol, que depende de tempo e horário certo de exposição. Ainda não se tem certeza e nem comprovação de uma possível toxicidade se for tomada em excesso, mas por outro lado níveis baixos podem sim ser prejudiciais para o organismo, pois é uma vitamina que atua quase como hormônio e regula muitas funções importantes no corpo. Sugiro acompanhar com exames e, se necessário, suplementar três meses por ano durante o inverno a dosagem mínima de recomendação diária.

Clorella é uma alga comestível e pode ser utilizada por qualquer pessoa (exceto casos de alergia mesmo) pois é como se fosse um alimento incluído na dieta. Rica em aminoácidos essenciais, antioxidantes, vitaminas do complexo B, clorofila e minerais. Sem contra indicação nenhuma, muito recomendada inclusive para gestantes, lactantes, crianças, qualquer idade é bem vinda para saúde.

Colágeno hidrolisado é indicado principalmente para mulheres após os 30 anos na qual a produção natural começa a ser reduzida pelo nosso corpo. Se for usar, compre de uma boa procedência e adicione em sucos, vitaminas, iogurtes, smoothies. Tome em jejum ou antes dormir pelo menos 10 gramas por dia. É um complemento no valor total de proteína do dia.

Vitamina C é muito interessante também para reforçar o sistema imunológico, é antialérgica natural e ajuda a aumentar a absorção de ferro de origem vegetal. Temos muitas fontes alimentares em frutas cítricas e algumas hortaliças. Doses pequenas de 200mg a 300mg por dia podem ser tomadas via suplementação sem problemas. Só cuidado com excesso de formas efervescentes, balinhas, gominhas e algumas apresentações que contém muito açúcar ou xarope de milho/glicose. O ideal é ingerir sempre alimentos fonte e suplementar em situações pertinentes para um reforço na imunidade.

Suplementação para criança varia muito de acordo com idade, alimentação e particularidades. Além do ômega 3, é recomendado cálcio no inverno e pode usar usado kaloba também quando a criança está com imunidade muito vulnerável e fica doente toda hora.

Claro que é preciso observar marcas confiáveis e adequar dosagens dos suplementos conforme necessidade de cada pessoa. Suplementos multivitamínicos especialmente não recomendo tomar qualquer um desses de A à Z que dizem ser os mais completos. Realmente precisa ter avaliação e recomendação de profissional de saúde, entre outros que podem ser acrescentados, de acordo com situações individuais, fases da idade, prática de atividade física, desequilíbrios nutricionais e em alguns casos para tratamento de doenças.

Texto escrito por MANOELA KRAEMER FENILLI

Manoela Kraemer Fenilli é nutricionista formada pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali-SC) em 2007. Pós-graduada em Nutrição Clínica Funcional e Nutrição Esportiva Funcional pela VP/Universidade Cruzeiro do Sul (Unicsul-SP). Atendimentos personalizados com foco em modulação intestinal, emagrecimento, câncer, desequilíbrios nutricionais e nutrição para atletas e praticantes de atividade física. CRN 7668.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

Sexta-feira deve ter tempo firme e predomínio de sol em Blumenau

A atuação do ar mais seco sobre o Vale do Itajaí garante tempo firme com predomínio de sol e poucas nuvens em Blumenau nesta...

Covid-19: Em Blumenau, duas mortes e 110 novos casos nas últimas 24h

Mais duas mortes por coronavírus foram registradas em Blumenau nas últimas 24h. Os dados são do boletim diário da Secretaria de Saúde da cidade,...

Manutenção em tubulação na Rua Almirante Barroso pede atenção ao trânsito nesta sexta

Fique atento ao trânsito na Vila Nova: Uma obra de manutenção em uma tubulação na Rua Almirante Barroso poderia deixar o trânsito complicado na...

Menor admite vender droga na chamada crackolândia do bairro Itoupavazinha

A Polícia Militar fez um novo flagrante de tráfico de drogas em Blumenau nesta quinta-feira (22). Desta vez, foi no bairro Itoupavazinha, em um...

Apreendido em Blumenau adolescente de 17 anos com 59 BOs

Um adolescente de 17 anos foi apreendido em Blumenau nesta quinta-feira (22) porque era considerado foragido da Justiça. Havia contra ele um mandado expedido...
error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com