Início Nutrição Nutrição: as relações da alimentação com a Covid-19, por Manoela Kraemer Fenilli

Nutrição: as relações da alimentação com a Covid-19, por Manoela Kraemer Fenilli

A pandemia está gerando cada dia mais dúvidas, incertezas, isolamentos e pessoas adoecendo. Mas não desistimos de enfrentar esse vírus instável e assustador. E o que a nutrição tem a ver com tudo isso? Há muitas relações da Nutrição com a Covid-19. E quero mostrar a vocês aqui o que se sabe de mais atual.

O cenário ideal é sempre a prevenção e esse tema só se tem uma certeza: reforço da imunidade para que se tiver contato com o vírus o próprio sistema de defesa combata na tentativa de passar assintomático ou com sinais leves na primeira fase viral e evitar que a evolução mais crítica seja ativada.

Os nutrientes com maior ação no sistema imune são as vitaminas do complexo B, presentes em peixes, arroz integral e feijão, castanhas, abacate, levedura nutricional, gema de ovo, banana, fígado, brócolis e vegetais verdes escuros. Outro componente que deve estar presente na alimentação em forma de raiz ou pó é o açafrão da terra (cúrcuma), potente antioxidante e anti-inflamatório natural, bem como gengibre e própolis verde. Dica aqui é utilizar rodelas ou generosas pitadas da cúrcuma e do gengibre em pó em preparações salgadas, sucos, vitaminas, por cima de frutas, sanduíches.

Os antioxidantes por si só já reforçam a imunidade independente da Covid-19 e alimentos fonte sempre são interessantes de incluir no dia a dia, como as frutas vermelhas e de cor arroxeadas (açaí, morango, mirtilo, uva), aveia, azeite de oliva, frutas cítricas ricas em vitamina C, melão, mamão, abacaxi, chás de cavalinha e dente de leão. Alimentos fonte de zinco como amêndoas, camarão, carne vermelha, castanhas, chocolate amargo, feijão, grão de bico e os ricos em vitamina A: fígado, gema de ovo, leite, manteiga e queijos, contribuem muito para fortalecer o sistema imune.

Além disso, a vitamina D tem sido muito enfatizada na literatura científica como uma vitamina hormônio reguladora de várias vias imunitárias no nosso organismo e temos somente o sol como principal fonte, então é extremamente importante o controle e a reposição via suplementação. Ainda em fase de prevenção ou inicial da Covid-19 é muito indicado o uso de óleo de peixe ômega 3 via alimentar (sardinha, atum, salmão, linhaça, chia) ou suplementação de 2 a 4 gramas por dia.

Destaque para dois alimentos em especial: própolis, que mostrou eficácia em pacientes com Covid-19, reduzindo tempo de internação, e laranja, a fruta mesmo com bagaço de sobremesa após almoço e jantar, rica em hesperidina, beta caroteno, fibras e vitamina C, é uma das melhores para reforçar a imunidade e combater inflamação.

Outro estudo mostrou a redução na eficácia da vacina, se o sono não estiver em dia em termos de qualidade e quantidade. E é claro que sabemos que só ele influencia na nossa saúde. Então vamos caprichar muito com planejamento, organização e higiene do sono para dormir melhor!

Falando em sintomas na fase inicial da Covid-19, como cansaço extremo, falta de energia e indisposição, um nutriente que atua diretamente na mitocôndria das nossas células gerando energia pro nosso corpo é a Coenzima Q10, que pode ser encontrada em carnes, aves, peixes, nozes, espinafre e brócolis, ela é produzida pelo nosso corpo mas após os 30 anos ocorre uma redução natural, e então em casos de pessoas com mais de 40, 50 anos e com complicações de saúde associadas a suplementação de 100 a 300mg por dia ajudaria muito no combate da fadiga.

E por último gostaria de trazer a vocês que muitos estudos têm demonstrado que pessoas acometidas pela Covid-19 tem uma redução na capacidade de metabolizar glicose no cérebro e então a dieta cetogênica, que consiste na ingestão alta de gorduras boas (castanhas, azeites, abacate, coco, queijos de boa qualidade), equilibrada em proteínas e baixa em carboidratos, especialmente carboidratos simples (bolachas, refrigerantes, salgadinhos, balas, guloseimas em geral) seria uma opção muito adequada nesses casos. A conclusão seria que o cérebro utiliza como fonte de energia mais rápida e eficiente os corpos cetônicos provenientes das gorduras. E essa dieta também age diretamente na inflamação gerada pela Covid-19.

Uma avaliação individualizada sempre é a opção mais adequada, mas deixo aqui algumas dicas com intuito de ajudar nos esclarecimentos sobre o assunto e estimular as escolhas alimentares e de hábitos saudáveis para que possamos estar cada vez mais em equilíbrio e prevenirmos não só a Covid-19 bem como outras doenças. Ótima semana a todos!

Texto escrito por MANOELA KRAEMER FENILLI

Manoela Kraemer Fenilli é nutricionista formada pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali-SC) em 2007. Pós-graduada em Nutrição Clínica Funcional e Nutrição Esportiva Funcional pela VP/Universidade Cruzeiro do Sul (Unicsul-SP). Atendimentos personalizados com foco em modulação intestinal, emagrecimento, câncer, desequilíbrios nutricionais e nutrição para atletas e praticantes de atividade física. CRN 7668.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

Trecho da BR-470 será interditado nesta quinta-feira no Vale do Itajaí

Um trecho da BR-470 será interditado ao trânsito de veículos nesta quinta-feira (6), no Vale do Itajaí. O fechamento de ambas as pistas ocorrerá...

Covid-19: quarta-feira termina com 3 mortes e 95 novos casos em Blumenau

Blumenau registrou nesta quarta-feira (5) mais três óbitos, somando agora 494 mortes por coronavírus. Entraram para a lista de vítimas um homem de 58...

Durante briga, homem dá golpe de barra de ferro na cabeça do irmão

Uma briga envolvendo dois irmãos deixou uma pessoa ferida nesta quarta-feira (5), em Blumenau. O fato ocorreu por volta das 13h40min, na Rua Bonn,...

Juiz decreta prisão preventiva de jovem que cometeu chacina em Saudades

Notícia atualizada às 21h07minEram quase quatro horas da manhã desta quarta-feira (5) quando os autos de prisão em flagrante do jovem que matou cinco...

Homem fica ferido após cair do telhado de casa na Rua Bahia em Blumenau

Um homem ficou ferido após cair do telhado de uma casa nesta quarta-feira (5), em Blumenau. O acidente ocorreu por volta das 13h45min, na...
error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com