Início Márcia Pontes Trânsito: sobre vítimas de acidentes e doação de sangue na pandemia, por...

Trânsito: sobre vítimas de acidentes e doação de sangue na pandemia, por Márcia Pontes

As vítimas de acidentes de trânsito são daqueles tipos de pacientes que ocupam atendimentos e leitos de hospital criando uma demanda que deveria ser destinada a quem adoece de causas naturais. Pacientes que não deveriam estar ali, considerando que cerca de 90% das causas das colisões e outros sinistros de trânsito são por falhas humanas, que acabam colocando pessoas em condição de fragilidade e vulnerabilidade extrema.

Também são os pacientes que mais precisam de cirurgias de emergência em decorrência de politraumatismos e os que consomem mais bolsas de sangue. Se por um lado chegou a diminuir a quantidade de veículos nas ruas, por outro as colisões aumentaram em gravidade e isso mudou também a forma de agendar as doações de sangue. No site oficial do Hemosc embora a informação seja de que os estoques de bolsas de sangue estejam adequados com redução apenas para o tipo O+, é importante que as pessoas continuem doando. O agendamento pode ser feito pelo site do Hemosc

Os acidentes de trânsito causam um enorme impacto sobre a pasta inteira da Saúde nos municípios. Surgem vítimas que interrompem a rotina de atendimento a pessoas que adoecem por causas naturais, reagendam cirurgias, ocupam a maior parte dos leitos de UTI, de enfermaria, de internação e que consomem maior quantidade de biológicos. Devido à fragilidade do corpo humano em um acidente de trânsito, as lesões são graves e causam um consumo maior de bolsas de sangue. 

A pandemia mudou tudo e afetou também a demanda e a oferta de doações. Muitos doadores de sangue habituais foram infectados pela Covid-19 enquanto outros possam ter ficado em dúvida quanto aos procedimentos para doação durante a pandemia. Seguindo recomendação da ANVISA as doações podem ser agendadas pelo site do Hemosc neste link. O doador escolhe pelo site o local de coleta e em seguida a data e os horários disponíveis. 

Doação em tempos de Covid-19

Por conta da pandemia de coronavírus a Anvisa e o Ministério da Saúde publicaram uma Nota Técnica atualizando os critérios técnicos para triagem clínica dos candidatos à doação de sangue relacionados ao risco de infecção pelo novo coronavírus. Doadores ou candidatos à doação que viajaram ou que sejam procedentes de países com transmissão local e casos confirmados da doença serão considerados inaptos para a doação, por um período de 14 dias após a chegada da viagem. 

Já as pessoas que tiveram diagnóstico clínico ou laboratorial de infecção pelo novo coronavírus serão consideradas inaptas por um período de 30 dias após a completa recuperação da doença, sem apresentar nenhum sintoma ou sequelas que possam contraindicar a doação. 

Já quem teve contato nos últimos 30 dias, com pessoa com diagnóstico clínico ou laboratorial do novo coronavírus deverão aguardar 14 dias após o último contato. Quem estiver em isolamento voluntário ou por recomendação médica por apresentarem sintomas de possível infecção serão considerados inaptos pelo período que durar o isolamento (geralmente 14 dias). 

Além de todas as medidas de higienização será mantido o distanciamento seguro entre os doadores durante a coleta de, no mínimo, dois metros de distância. Lembrando que apesar dos estoques estarem adequados o consumo de bolsas de sangue é diário e contínuo já que também é destinado ao tratamento de anemias crônicas, outros acidentes que causam hemorragias, complicações decorrentes da dengue, febre amarela, tratamento de câncer e outras doenças graves. 

Em Blumenau o telefone do Hemocentro Regional para doação de sangue é (47) 3222-9801, localizado Rua Theodoro Holtrup, número 40, no bairro Vila Nova. O estacionamento fica aos fundos, com acesso pela Rua Joinville, mas a orientação é de que o agendamento seja feito pelo site do Hemosc para melhor controle e evitar aglomerações. Os horários disponíveis para agendamento no site são entre segunda, quinta e sexta-feira, das 8h15min às 16h30min, também na terça-feira e quarta-feira das 10h às 18h30min. Todos os sábados das 8h15min às 11h.

Texto escrito por MÁRCIA PONTES

Márcia Pontes é escritora, colunista e digital influencer no segmento de formação de condutores, com três livros publicados. Graduada em Segurança no Trânsito pela Unisul, especialista em Direito de Trânsito pela Escola Superior Verbo Jurídico, especialista em Planejamento e Gestão do Trânsito pela Unicesumar. Consultora em projetos de segurança no trânsito e professora de condutas preventivas no trânsito. Vencedora do Prêmio Denatran 2013 na categoria Cidadania e vencedora do Prêmio Fenabrave 2016 em duas categorias.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

Preço do litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras

A Petrobras reajustou o preço médio do litro da gasolina vendida nas refinarias em R$ 0,15. O novo valor será de R$ 1,98 para...

Covid-19: Blumenau ainda aguarda informações e envio das vacinas pelo Estado

Quantas vacinas serão enviadas a Blumenau neste primeiro momento e quando as mesmas chegarão à cidade? Tais perguntas, muito realizadas pela população nesta segunda-feira...

Furb disponibiliza equipamentos para vacinação da Covid-19 em Blumenau

A Universidade Regional de Blumenau (Furb) divulgou nesta segunda-feira (18) ter disponibilizado à Prefeitura de Blumenau ultra congeladores para armazenar vacinas contra a Covid-19....

Vídeo: Polícia Civil resgata cão em situação de maus-tratos em Gaspar

Um cachorro em situação de maus-tratos foi resgatado pela Polícia Civil na tarde desta segunda-feira (18) em Gaspar. De acordo com o delegado Egídio...

Covid-19: Blumenau confirma uma morte e 129 casos nesta segunda-feira

A pandemia do novo coronavírus ainda é realidade em Blumenau. De acordo com a Secretaria de Saúde, mais uma morte foi confirmada na cidade...