Início Segurança Investigações do assalto em Criciúma ganham apoio do Ministério da Justiça

Investigações do assalto em Criciúma ganham apoio do Ministério da Justiça

Policiais de Santa Catarina atuam em conjunto em uma grande operação na investigação e buscas dos criminosos que assaltaram uma agência bancária em Criciúma na madrugada desta terça-feira (1). Em coletiva de imprensa no Sul do Estado, o governador Carlos Moisés disse que o ministro da Justiça, André Mendonça, e o secretário Nacional de Segurança Pública, coronel Carlos Paim, entraram em contato nesta manhã colocando as estruturas à disposição.

“Todo o Brasil tem seu olhar voltado pra Santa Catarina (…) Não estamos medindo esforços para uma resposta rápida a este triste episódio. O Governo do Estado segue empenhado na busca dos criminosos e para que ações como essas não se repitam em Santa Catarina”, declarou o governador. Duas pessoas focaram feridas, sendo um deles o policial militar Jeferson Luiz Esmeraldino, que passou por cirurgias e segue internado em estado grave.

Investigação

O presidente do Colegiado Superior de Segurança Pública e Perícia Oficial e Delegado Geral da Polícia Civil de Santa Catarina, Paulo Koerich, relatou que todas as forças de segurança de Santa Catarina estão em estado de alerta. “A ação desta madrugada chama atenção pela ousadia e violência. As forças policias não irão tolerar as ofensivas, nós vamos prender todos os envolvidos nesse crime. E eles vão sentir o peso da mão do Estado”, afirmou Koerich.

O delegado da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC) Anselmo Cruz, que comanda as investigações, explicou que esse é considerado o roubo de maiores proporções da história de Santa Catarina. “Há uma mobilização policial muito forte nas buscas e, em paralelo a isso, já começou o trabalho de investigação. Estamos falando de pelo menos 30 criminosos, 10 veículos e armamento muito pesado”.

O perito-geral do Instituto Geral de Perícias, Giovani Eduardo Adriano, reforçou que uma série de profissionais está em Criciúma em busca de vestígios e evidências. “Nosso trabalho é coletar essas evidências. Qualquer informação que a população tenha sobre esse crime será util. Temos equipamento e material para combater esse tipo de crime e iremos trabalhar dia e noite para desvendar esse caso”.

O subcomandante-geral da PM, coronel Marcelo Pontes, contou que desde o início da ocorrência os policiais militares atuaram para preservar vidas e imediatamente acionaram todo suporte, inclusive de outros municípios da região. “Nosso trabalho agora é de buscar mais informações. Qualquer pessoa que tiver algum dado, viu alguma movimentação estranha, pode entrar em contato com 190”.

Além dos policiais catarinenses, há contatos e mobilização com as polícias de outros Estados, como do Rio Grande do Sul e Paraná, e com a Secretaria Nacional de Segurança, para a união e integração de esforços na ação policial, no Sul do Estado.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

INSS: Governo suspende exigência de prova de vida de aposentados federais

O Ministério da Economia suspendeu, até 31 de março, a exigência do recadastramento de aposentados e pensionistas da administração federal e de anistiados políticos civis,...

Trabalhador morre após ser atingido por árvore durante corte em Presidente Getúlio

Um homem, de 48 anos, morreu após ser atingido por uma árvore durante o corte, em Presidente Getúlio, no Alto Vale. O acidente aconteceu...

Após falha nos freios, carro despenca de 30 metros de altura em ribanceira na Fortaleza

O acidente aconteceu na Rua São Miguel Arcângelo Longhi, no bairro Fortaleza, em Blumenau, na noite desta terça-feira (26). Um carro despencou em uma...

PM encontra casa com estufa para maconha, apreende drogas e homem é preso no bairro Velha

Tudo aconteceu por volta das 19h30min desta terça-eira (26) na Rua Arthur Schreiber, no bairro Velha, em Blumenau. Em rondas, a Polícia Militar localizou...

Jovem ameaça matar a própria mãe e acaba preso no bairro Ponta Aguda

Um jovem, de 20 de anos, foi preso no meio da tarde desta terça-feira (26) por violência doméstica, em Blumenau. Tudo aconteceu na casa...