Início Geral Governo e Celesc lançam projeto para capacitar estudantes ao mercado de energias...

Governo e Celesc lançam projeto para capacitar estudantes ao mercado de energias renováveis

Eficiência energética, proteção ao meio ambiente, mais qualidade de vida e educação profissionalizante. Unindo essas e outras temáticas, o Governo do Estado, a Celesc e a Secretaria de Estado da Educação (SED) lançaram o Projeto Educacional de Eficiência Energética – Celesc nos Cedups, que capacitará estudantes do Ensino Médio estadual para atuarem no mercado de fontes de energias renováveis e sustentáveis.

A iniciativa soma R$ 4,2 milhões em investimentos, sendo R$ 3,8 milhões via Programa de Eficiência Energética Aneel/Celesc e R$ 480 mil pelo Estado. Por meio do projeto, a distribuidora catarinense irá equipar Laboratórios de Eficiência Energética em seis Centros de Educação Profissional (Cedups), nas cidades de Joinville, Blumenau, Lages, Chapecó, Tubarão e Criciúma.

De acordo com o Governo, a SED ficará responsável pela capacitação dos professores e pela instalação das estruturas. O projeto coloca os Cedups na vanguarda do ensino técnico profissionalizante. A expectativa é de que, já no primeiro ano, 2,8 mil alunos da rede estadual tenham essa qualificação na grade curricular para que, em 10 anos, 28 mil estudantes qualificados gerem um impacto direto em mais de 85 mil famílias.

Instalação de laboratórios

Em outubro, os laboratórios de eficiência energética começaram a ser instalados em seis unidades dos Cedups que participam do programa. A previsão é de que até o fim deste mês todas as estruturas estejam montadas para que, a partir de 2021, os professores possam iniciar a capacitação e, então, lecionar os cursos e itinerários formativos que serão incluídos na grade curricular.

A infraestrutura possui 12 bancadas de equipamentos que permitem o estudo de diversas áreas, como os sistemas de iluminação e instalações elétricas residenciais, prediais e industriais, até sistemas de microgeração de energia renovável como solar, fotovoltaica, eólica e termosolar.

Com o projeto, os futuros profissionais serão capacitados na área de Eficiência Energética, que contribui com a melhoria do clima do planeta, já que visa o uso consciente, racional e seguro de energia nas diferentes etapas do processo (geração, distribuição e utilização), e impacta na diminuição da emissão de gases de efeito estufa na atmosfera.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

Motorista de aplicativo leva 18 facadas durante assalto em Blumenau

Uma mulher de 47 anos foi esfaqueada ao ser assaltada na noite desta quinta-feira (22) em Blumenau. Segundo informações da Polícia Militar, ela trabalha...

Trio é preso momentos após cometer assalto a mão armada em Blumenau

Três homens foram presos na noite desta quinta-feira (22) momentos após cometerem um assalto a mão armada em Blumenau. Segundo informações da Polícia Militar,...

Sexta-feira deve ter tempo firme e predomínio de sol em Blumenau

A atuação do ar mais seco sobre o Vale do Itajaí garante tempo firme com predomínio de sol e poucas nuvens em Blumenau nesta...

Covid-19: Em Blumenau, duas mortes e 110 novos casos nas últimas 24h

Mais duas mortes por coronavírus foram registradas em Blumenau nas últimas 24h. Os dados são do boletim diário da Secretaria de Saúde da cidade,...

Manutenção em tubulação na Rua Almirante Barroso pede atenção ao trânsito nesta sexta

Fique atento ao trânsito na Vila Nova: Uma obra de manutenção em uma tubulação na Rua Almirante Barroso poderia deixar o trânsito complicado na...
error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com