InícioGeralSantur orienta turistas a não subirem a Serra sem reserva de hotel...

Santur orienta turistas a não subirem a Serra sem reserva de hotel ou pousada

Com aviso de frio extremo a partir desta quinta-feira (20), devido ao avanço de uma massa de ar polar que vai provocar a queda acentuada das temperaturas em todo o Estado, muitos catarinenses se preparam para ver a neve, pois existe possibilidade do fenômeno acontecer entre hoje e amanhã nas regiões do Planalto Sul, Grande Florianópolis, Serra, Meio Oeste e Planalto Norte. Porém, os turistas precisam ficar atentos a algumas orientações importantes.

A Polícia Militar Rodoviária (PRM) alerta para o risco de gelo na pista. No final de semana, as temperaturas devem permanecer baixas e com a possibilidade de formação de geada. Em função das restrições de combate ao coronavírus, que limita o número de vagas nos hotéis e pousadas, a recomendação é de que apenas as pessoas com reserva na rede hoteleira devem seguir para a Serra. Não está descartada a interdição de rodovias devido à possibilidade de formação de gelo na pista e acúmulo de neve.

“A preocupação do Governo do Estado é com a segurança e bem-estar das pessoas”, comentou o chefe da Defesa Civil de Santa Catarina, João Batista Cordeiro Júnior. Segundo ele, além do risco que a queda acentuada de temperatura oferece, os pontos turísticos estão fechados em função das ações contra a Covid-19. “Solicitamos o apoio e a compreensão da população neste momento para evitar situações que possam oferecer risco”, completou.

A Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina (Santur) está acompanhando a situação. “Estamos orientando os turistas e todo o trade turístico para que as pessoas não subam a Serra sem a reserva em hotéis ou pousadas”, destacou o presidente da Santur, Leandro Ferrari. Ele completou lembrando que estamos atravessando um momento difícil da pandemia e devemos evitar aglomerações. “Esse é um momento de orientação e de responsabilidade para todos os turistas e moradores de Santa Catarina”, completou.

Já a turismóloga da Associação dos Municípios da Região Serrana (Amures), Ana Vieira, lembrou que a entidade se preocupa com as pessoas que possam se dirigir para a Serra catarinense sem reserva em hotéis. “Não teremos como acomodar essas pessoas. Em anos anteriores, podíamos fazer isso, mas com os regramentos por conta da pandemia isso não será possível. Os municípios estão com hospedagens lotadas, então aconselhamos que as pessoas não venham para a Serra sem a reserva. É preciso cuidar das pessoas e sermos responsáveis”, finalizou.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com