InícioSaúdeCoronavírus: Santa Catarina registra 379 casos confirmados e 10 óbitos

Coronavírus: Santa Catarina registra 379 casos confirmados e 10 óbitos

O número de casos confirmados de coronavírus em Santa Catarina subiu para 379 neste domingo (5), divulgou a Secretaria de Estado de Saúde. Isso representa um aumento de 6,4% se comparado aos números divulgados no boletim anterior. Já o número de óbitos manteve-se em 10, o que resulta em uma queda 0,2 pontos percentuais na taxa de letalidade do vírus no estado, agora fixada em 2,6%.

De acordo com o Governo do Estado, o isolamento social é fundamental na manutenção da “curva positiva” de novos casos. A pressão para movimentar a economia catarinense, porém, tem forçado o governador Carlos Moisés a liberar setores econômicos de maneira gradativa – como o realizado através de portaria publicada neste domingo, onde autoriza os profissionais autônomos e liberais a retornarem às atividades a partir desta segunda-feira (6).

A curva à nível nacional, porém, é muito mais preocupante: segundo o Ministério da Saúde, o país conta com 11.130 casos confirmados da doença – um aumento de 8,2% se comparado ao dia anterior. 54 novos óbitos recorrentes do vírus foram registrados nas últimas 24 horas, elevando o número de vítimas fatais para 486. Com isso, a taxa de letalidade do vírus no Brasil subiu para 4,2%.

O estado de São Paulo ainda concentra o maior número de casos (4.620) e também o maior número de mortes (275). Todas as regiões, no entanto, apresentaram aumento no número de casos. Em relação às mortes, apenas o Centro-Oeste não teve aumento, permanecendo com 12 óbitos registrados.

Dentre os óbitos cuja investigação foi concluída, 228 são de homens e 160 de mulheres. O grupo de pessoas com 60 anos ou mais concentra a maior parte, com 312 (86%). As mortes de pessoas entre 40 e 59 anos somam 54. Além disso, 20 pacientes com idades entre 20 e 39 anos morreram.

Entre os grupos de risco com mais mortes estão os que sofrem de cardiopatia e diabetes. O Ministério da Saúde também registra mortes em pacientes com quadros de pneumopatia, doença neurológica, doença renal, imunodepressão, obesidade, asma, doença hematológica e doença hepática.

Com informações da Agência Brasil

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com