InícioGeralAumenta número de pedidos de transferência de alunos da rede privada para...

Aumenta número de pedidos de transferência de alunos da rede privada para rede pública de ensino

Diante da instabilidade financeira provocada pela pandemia do novo coronavírus, famílias estão cortando todos os gastos possíveis. Trabalhadores autônomos e informais, que foram os mais prejudicados com as medidas restritivas do isolamento social, tiveram a renda reduzida e buscam alternativas para economizar. Neste momento, até as despesas com a educação dos filhos está na lista de cortes.

Em Blumenau, a Secretaria de Educação já recebeu muitos pedidos de transferência de alunos da rede privada para a rede municipal. Foi o que fez a analista de compras Adriana Nolli, mãe de uma menina de nove anos, estudante do 4º ano. A família pagava cerca de R$ 700 de mensalidade em uma unidade particular, mas acaba de matricular a criança na Escola Municipal Professora Zulma Souza da Silva, na Velha Central.

“É uma questão de necessidade financeira mesmo. O pai dela é autônomo e está sem trabalho, sem conseguir pagar o valor da pensão. Eu tive o contrato de trabalho suspenso, vou ter uma redução no meu salário. Foi uma decisão conjunta, com coração apertado, porque a gente adorava a escola onde ela estudava, mas neste momento precisamos fazer a redução de despesas extras”, disse Adriana.

Ainda de acordo com a mãe da estudante, a matrícula foi efetivada de forma rápida e simples, na manhã desta terça-feira (14). Agora é só esperar o cadastro ser efetivado no sistema. A expectativa é que até o final desta semana a família já tenha acesso ao sistema para receber o conteúdo em casa. “A escola, sendo pública ou privada, tem um parâmetro de ensino e os pais também precisam ajudar nessa educação”, declarou.

Por meio da assessoria de imprensa, a Secretaria de Educação de Blumenau informou que as solicitações devem ser feitas diretamente na escola mais perto da casa da família ou do local de trabalho dos pais ou responsáveis. As secretarias estão em funcionamento, com atendimento por telefone. Se as unidades tiverem vagas disponíveis, os alunos devem ser absorvidos. No caso da Educação Infantil, as matrículas seguem os critérios da Fila Única.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com