Início Emerson Luis Esporte: Tudo parado - ou quase tudo, por Emerson Luis

Esporte: Tudo parado – ou quase tudo, por Emerson Luis

Comentário atualizado às 20h desta terça-feira (17) quando a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) interferiu e pediu para que todos os estaduais fossem suspensos. Todas as modalidades coletivas de Blumenau também pararam de treinar.

Campeonatos Catarinense, Gaúcho, Carioca, Paulista, Paraense, Paranaense, Maranhense, Mineiro, Pernambucano, Rondoniense, Sergipano e Alagoano.

Copas do Brasil e do Nordeste.

Brasileiro Feminino.

Estão suspensos por 15 dias ou por tempo indeterminado.

Contrariando o bom senso, estão mantidos os estaduais no Acre, Amapá, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Pará, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte e Roraima (onde entram muitos imigrantes).

Rodadas mantidas, alguns jogos com portões fechados, outros até com a presença da torcida.

Decisão com o consentimento dos presidentes dos clubes, diga-se de passagem.

A justificativa foi a falta de calendário.

Esqueceram que o futebol é um esporte de contato físico e de muitas expressões verbais.

O famoso tête-à-tête.

Não raro, os boleiros estão se estranhando.

Não sei até quando esse posicionamento vai se sustentar.

Acredito que os jogadores vão protestar como muitos fizeram no fim de semana.

O Grêmio foi um clube que reclamou bastante por conta da manutenção da rodada que passou.

Vasco (que não tem mais Abel Braga, que pediu pra sair), Botafogo, Flamengo, São Paulo e Palmeiras liberaram todos os atletas profissionais e da base.

O Santos fará isso a partir desta terça-feira (17).

Aqui no estado, Joinville e Tubarão dispensaram todo mundo.

Jorge Jesus ainda fará contraprova. Foto: Internet

Além disso, o Flamengo emitiu nota oficial sobre a situação do técnico Jorge Jesus, que no primeiro teste para o Covid 19, atestou positivo.

Alguns clubes ainda fecharam suas sedes sociais.

Vai ser um efeito cascata.

Renato Gaúcho criticou muito a decisão da FGF. Foto: Guilherme Testa

A determinação da Federação Catarinense de Futebol também afeta as categorias de base.

Decisão que vai prejudicar o bom início do Metropolitano com seu time Sub 17.

Foram duas vitórias de 2 x 0 na largada.

Contra o Hercílio Luz, em “casa”, em Apiúna, no campo do Aza Branca.

E em Itajaí, no gramado do Natalense, diante do Barra.

A próxima partida marcada para Lages, contra o Internacional, não tem data para acontecer.

A FCF ainda decretou que todos os seus colaboradores vão trabalhar de casa a partir de agora.

Time Sub 17 começou bem o estadual.

Falando ainda do Metrô, só que profissionalmente, André Santos (empresário) e Eduardo Costa (treinador) visitaram o CT Romeu Georg na tarde desta segunda-feira (17).

A dupla veio conhecer mais amiúde a estrutura no bairro Fidélis.

Também foram discutidos mais detalhes do contrato.

Nesta terça-feira (17), às 19h, diretoria e conselheiros vão se reunir para o possível batimento do martelo com gestão compartilhada.

Em tese, a Série B está prevista para iniciar dia 31 de maio.

O Metropolitano vai mandar seus jogos em Ibirama.

Estádio Hermann Aichinger em Ibirama. Foto: CAHA

Superliga de Vôlei, Campeonato Brasileiro de Basquete, Liga Nacional de Futsal.

Parou tudo.

Impacto direto nas cinco equipes de Blumenau que estão ou iriam participar de competições nacionais.

Após o adiamento da partida contra Maringá PR programada para o último sábado (14), o vôlei masculino da Apan concedeu folga aos atletas até o dia 22.

O vôlei feminino volta aos treinos amanhã (17) após o veto do confronto diante de São José dos Pinhais PR que também seria disputado no mesmo dia no Galegão.

O basquete masculino segue treinando normalmente para o Campeonato Brasileiro da segunda divisão apesar de não ter data para começar – a estreia seria na sexta-feira (20).

O mesmo se aplica ao basquete feminino e ao futsal masculino que continuam trabalhando, sem saber quando vão entrar em quadra oficialmente.

Futsal que fez amistoso sábado à noite (14) com a presença de público em Curitibanos.

Venceu por 4 x 3.

Estava agendada para esta noite uma reunião na Secretaria Municipal do Esporte (SME) para definir pela continuidade ou não das atividades das equipes.

Blumenau Futsal disputou amistoso em Curitibanos. Foto: Sara Dallamaria

Faço essa introdução informativa para lembrar que de fato é muito perigoso nesse momento ter aglomeração em ambientes fechados.

E que não existe nenhum atrativo em jogar qualquer competição com portões fechados.

Parafraseando Machado de Assis “é como beijar a irmã, não tem graça”.

No fim, o importante é se cuidar.

E me impressiona como as pessoas ainda estão ignorando os cuidados básicos de higiene.

Que deveriam ser executados sempre.

Diariamente.

Muitos julgam um atleta como intocável, um super-homem, imune a muitos problemas, entre eles de saúde.

Só que as doenças são democráticas.

Os caras são seres humanos como a gente.

Com uma desvantagem nesse momento: viajam muito.

O basquete de Blumenau, por exemplo, conta no elenco com um norte-americano.

Temos profissionais de outras modalidades que também vieram de várias regiões do país.

Não dá para brincar.

Bocha é uma das modalidades que deixam de ser praticadas. Foto: Marcelo Martins

No geral, sinto pela turma da melhor idade que participa de programas como os da Fundação Pró-Família (agora Secretaria da Família).

6.800 pessoas atingidas.

Em 89 polos.

Distribuídos em 29 bairros.

46 atividades afetadas.

Muitas ligadas ao esporte.

Tudo parado até segunda ordem.

Senhoras e senhores saudáveis que vão deixar de praticar bocha, câmbio (regras adaptadas do vôlei), caminhada, ginástica, hidroginástica, musculação (em parceria com a academia do 23 BI), tai chi chuan…

Imagina o impacto que isso causa na rotina dessas pessoas?

É o público mais vulnerável e por extensão o que mais necessita de cuidado.

Sessão de hidroginástica na Fundação Pró-Família. Foto: Marcelo Martins

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

Coronavírus: Governo deve prorrogar quarentena em Santa Catarina

O governador Carlos Moisés sinalizou neste domingo (29) que deve prorrogar as medidas de isolamento social em Santa Catarina por mais tempo...

Governador diz que retomada gradual em SC depende da preparação do sistema de saúde

A ampliação no número de leitos de UTI e a proteção aos trabalhadores da saúde são as prioridades do Governo de Santa...

Motorista bate caminhonete em poste na região central de Blumenau

O acidente aconteceu na madrugada deste domingo (29), por volta das 3h30min, na Avenida Martin Luther, região central de Blumenau. Segundo os...

Coronavírus: Brasil tem 3.904 casos e 114 mortes por covid-19

A covid-19 já foi diagnosticada em 3.904 pessoas no Brasil, tendo resultado na morte de 114 vítimas. Com isso, a taxa de...

Dupla armada com pistolas assalta lanchonete na Itoupava Norte

O crime ocorreu na noite deste sábado (28) na lanchonete Dile Lanches, localizado na Rua 2 de Setembro, no bairro Itoupava Norte....