InícioSaúdeCoronavírus: Gaspar anuncia medidas para custear investimentos em Saúde

Coronavírus: Gaspar anuncia medidas para custear investimentos em Saúde

O prefeito de Gaspar Kleber Wan-dall anunciou, em vídeo publicado nas redes sociais nesta quarta-feira (25), o encaminhamento de um ofício para a Câmara de Vereadores do município solicitando o repasse de parte dos recursos financeiros da Casa para o custeio de ações no combate ao coronavírus. De acordo com o prefeito, os valores serão usados em investimentos na área de saúde e assistência social para atender a população gasparense.

Segundo a Secretaria de Fazenda e Gestão Administrativa, estão previstos impactos econômicos como a queda na arrecadação de tributos e a necessidade de incremento das despesas do Município na mobilização e enfrentamento à doença, que vão além do orçamento previsto para 2020.

Diante disso, o Poder Executivo sugeriu diminuir o repasse à Câmara de Vereadores ao mesmo valor de 2019, com parcelas mensais de R$ 380 mil – uma redução de 41% (R$ 3,2 milhões) no valor que viria a ser repassado durante o ano. Além disso, também solicitou os recursos destinados para a construção da nova Câmara dos Vereadores, que giram em torno de R$ 600 mil.

Presidente da Câmara dos Vereadores de Gaspar, o vereador Ciro André Quintino (PMDB) disse ainda não ter recebido o ofício, mas afirmou que o tema já é discutido entre os vereadores. Segundo ele, a Casa tem direito a 7% do orçamento do município; valor este que é distribuído em parcelas mensais.

“Nós gastamos cerca de 2,8% do orçamento municipal, sendo uma das câmaras mais enxutas do estado”, defendeu. “Nos últimos anos temos repassado o valor que deixamos de gastar para a saúde de Gaspar. Há dois anos doamos R$ 1 milhão ao Hospital Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. No ano passado, doamos R$ 500 mil ao hospital e outros R$ 500 mil à Prefeitura. Sem dúvidas seremos parceiros esse ano e anteciparemos estes recursos à Saúde”.

Segundo Quintino, até agora foram repassados cerca de R$ 600 mil dos mais de R$ 7 milhões inicialmente previstos à Câmara dos Vereadores. A expectativa é que a solicitação do prefeito Kleber Wan-dall seja discutida a partir do dia 1º de abril, data em que os vereadores retornam às atividades na Câmara. “Já estamos debatendo a melhor maneira possível de fazer esse repasse, para quanto antes o Município precisar”, afirmou.

Outras medidas

Diversas medidas de contingenciamento de despesas não essenciais já haviam sido aplicadas pela Administração Municipal, como a determinação aos secretários municipais para que avaliem e elaborem plano para redução das despesas com manutenção de cerca de 20% (vinte por cento), devolução de veículos locados, suspensão de diárias, cancelamento da ExpoGaspar, entre outras.

Além disso, o prefeito anunciou que cinco secretários municipais serão afastados de suas cargos no fim de março e substituídos por secretários interinos. Segundo ele, a ação representará uma economia de R$ 68 mil aos cofres municipais durante o período de combate ao coronavírus – dinheiro este que será usado exclusivamente na área da Saúde.

Enquanto isso, já foram feitos incrementos significativos no uso de materiais e contratação de profissionais na área de saúde e houve acréscimo no número de famílias que buscam os programas de assistência social, visando custear itens básicos de alimentação e higiene.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com