InícioGeralEmpregados da Caixa em Blumenau cruzam os braços em protesto à reestruturação...

Empregados da Caixa em Blumenau cruzam os braços em protesto à reestruturação do banco

Cerca de 50 empregados da Caixa Econômica Federal, em Blumenau, cruzaram os braços na manhã desta quinta-feira (13). A mobilização acontece em frente a agência central, na Rua 7 de Setembro. Com camisas pretas, os funcionários protestam contra o projeto de reestruturação do banco que visa demissões, fechamento de agências pelo país, mudanças de cargos e até redução de salários. A manifestação seguirá até às 12h, depois disso, o atendimento volta ao normal.

Segundo a Comissão Executiva dos Empregados (CEE) da Caixa, as medidas são unilaterais e, por isso, os profissionais perderiam seus direitos. Por isso, a categoria se uniu em todo território no Dia Nacional de Luta contra a Reestruturação. Os funcionários também conversam com a população que aguarda pelo atendimento em frente à agência explicando o motivo da paralisação temporária. A mobilização é organizada pelo Sindicato dos Trabalhadores, Confederação e Comissão dos Empregados.

O que diz a Caixa

A Caixa está ampliando sua presença em todas as regiões do país para melhor atender a seus clientes, entes públicos e cidadãos, e fortalecer todo o relacionamento institucional do banco. Dessa forma, serão criadas mais de 350 Superintendências Executivas de Varejo, 57 Superintendências Executivas de Governo e 54 Superintendências Executivas de Habitação, além de novas Centralizadoras Nacionais, com o objetivo de realizar uma gestão da rede que assegure o padrão e a qualidade de negócios e atendimento para toda a população brasileira.
 
A nova estrutura integra o planejamento de 2020 para a área de Varejo do banco, com foco central no relacionamento, por meio de uma gestão mais ágil e próxima do cliente. O plano de Varejo envolve ainda novos modelos de negócios, otimização de processos e implementação de soluções tecnológicas. 
 
Com a implementação do projeto, haverá melhoria da eficiência do banco, com racionalização de despesas administrativas e reorganização das estruturas de atendimento atuais.  Com o novo modelo de Varejo, também haverá um aumento de 5 mil vagas de gerentes e assistentes nas agências de todas as regiões do país, promovendo oportunidades de ascensão de carreira por meritocracia para os empregados da Caixa. 

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

    error: Toda e qualquer cópia do Portal Alexandre José precisa ser creditada ao ser reproduzida. Entre em contato com a nossa equipe para mais informações pelo e-mail jornalismo@alexandrejose.com