Vítima de suposto estupro cometido por PMs presta depoimento à Polícia Civil

Publicidade

Foto: Reprodução/Google Street View

O responsável pela Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso de Blumenau, David Sarraf, confirmou na manhã desta quarta-feira (20) que a vítima de um suposto estupro, cometido por dois policiais militares de Blumenau, prestou depoimento. Agora, a dupla suspeita será intimada para prestar esclarecimentos sobre o caso.

O crime teria acontecido na madrugada de terça-feira (19), informou a Polícia Militar em nota. A mulher, de 20 anos, teve que ser hospitalizada. Ainda segundo o delegado, todo protocolo de atendimento à vítima foi feito. Peritos do Instituto Geral de Perícias (IGP) estiveram no hospital para fazer a coleta dos vestígios. A Polícia Civil segue com as investigações.

Ainda nesta manhã, o comandante do 10º Batalhão da Polícia Militar de Blumenau, tenente-coronel Jefferson Schmidt, informou que os dois policiais militares não foram afastados das suas funções por conta das circunstâncias apresentadas até o momento. O oficial ainda reforçou que os policiais não estavam em horário de serviço quando o suposto crime sexual aconteceu.

“De concreto, temos apenas a denúncia apresentada pela garota. Vamos aguardar os resultados dos exames e perícias que estão sendo realizados, para então analisar se é caso para afastamento ou não do serviço. Todavia, ambos passaram a figurar como investigados em Inquérito Policial Militar, do qual procedi a abertura de Portaria,” afirmou.

PUBLICIDADE

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: