Início Destaque Bandeira amarela: energia elétrica mais cara a partir desta segunda-feira

Bandeira amarela: energia elétrica mais cara a partir desta segunda-feira

A conta de luz está mais cara a partir desta segunda-feira (1º) por causa da bandeira tarifária utilizada como referência nas contas deste mês ser a amarela. Com a medida, as cobranças terão um acréscimo de R$ 1,50 para cada 100 quilowatts-hora consumidos, segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

O adicional retorna às contas após a autoridade reguladora ter definido bandeira verde em junho, situação em que não é cobrado acréscimo nas contas. Em comunicado, a Aneel justificou a bandeira amarela pelo fato de julho ser um mês “típico da seca nas principais bacias hidrográficas do país”.

“A previsão hidrológica para o mês sinaliza vazões abaixo da média histórica e tendência de redução dos níveis dos principais reservatórios. Esse cenário requer o aumento da geração termelétrica, o que influenciou o aumento do preço da energia e dos custos relacionados ao risco hidrológico em patamares condizentes com o da Bandeira Amarela”, justificou a agência.

O sistema de bandeiras tarifárias foi criado, de acordo com a Aneel, para sinalizar aos consumidores os custos reais da geração de energia elétrica. O funcionamento das bandeiras tarifárias tem três cores, a verde, a amarela e a vermelha (nos patamares 1 e 2), que indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração.

O cálculo para acionamento das bandeiras tarifárias leva em conta, principalmente, dois fatores: o risco hidrológico e o preço da energia. Os recursos pagos pelos consumidores vão para uma conta específica e depois são repassados às distribuidoras de energia para compensar o custo extra da produção de energia em períodos de seca.

Fonte: Agência Brasil

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

Covid-19: passa de 11 mil o número de casos em SC com 898 confirmados em Blumenau

Há 11.285 casos confirmados de infecção pelo novo coronavírus em Santa Catarina, sendo que 6.931 estão recuperados e 4.188 continuam em acompanhamento....

Política: as boas notícias da quarentena, por Luiz Carlos Nemetz

Domingo passado (1º), após 10 semanas de rígida quarentena, comecei a relaxar cuidadosamente o meu isolamento social. Fazia um lindo dia de...

Brasil pode ter prioridade no uso da vacina de Oxford contra Covid-19

O Brasil poderá ter prioridade no uso da vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford contra a Covid-19. A informação é da reitora da Universidade...

Mega-Sena pode pagar neste sábado um prêmio de R$ 2,5 milhões

O concurso 2268 da Mega-Sena poderá pagar R$ 2,5 milhões a quem acertar as seis dezenas. O sorteio será a partir das 20h...

Arquitetura: a importância do uso correto do solo na construção das edificações, por Val Araújo

Preservar o máximo da vegetação nativa do terreno, implantando a nova construção com respeito ao que a natureza estabeleceu. O caminho do...