PM que matou detento durante tentativa de fuga vai a júri popular em Blumenau

Publicidade

Foto: Jaime Batista / Blog do Jaime

O Tribunal do Júri da comarca de Blumenau analisa nesta quarta-feira (26) a acusação contra um policial militar apontado como responsável pela morte de um detento no Presídio Regional de Blumenau (PRB) durante uma tentativa de fuga, em 2008. Segundo denúncia do Ministério Público, o réu desempenhava função como guarda externo da unidade no dia 31 de janeiro daquele ano, quando um preso serrou uma das barras da porta da cela e seguiu para o pátio onde estava o PM.

Consta nos autos que da guarita onde se encontrava, a uma altura aproximada de sete metros, ele teria determinado ao detento que ficasse parado, mas o preso não obedeceu ao pedido e foi atingido por dois tiros na parte dorsal do peito, próximo à coluna vertebral, o que causou a sua morte. O policial responderá pelo crime de homicídio simples. O juiz Juliano Rafael Bogo preside o julgamento, que é aberto à população e iniciou às 9h no Fórum de Blumenau.

PUBLICIDADE

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: