Polícia continua na busca pelos assaltantes do Quero-Quero pela região

Publicidade

Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Os batalhões da Polícia Militar de Blumenau, Jaraguá do Sul, Indaial, Balneário Camboriú, Itajaí, Navegantes, Joinville, além de dois helicópteros da polícia, o batalhão de Operações Especiais (BOPE) e o batalhão de Choque da PMSC, seguem nas buscas pelos bandidos.

Um avião de pequeno porte que transportava malotes de dinheiro, e pousou no Aeroporto Quero-Quero, foi atacado por bandidos na tarde desta quinta-feira (14). Houve troca de tiros entre a equipe da empresa Brinks Segurança e Transporte de Valores e os assaltantes.

Desde às 15h08, segundo o Tenente Nicolas Marques, a PM está envolvida no caso. Durante a madrugada desta sexta-feira (15), o cerco na região continuou com a montagem de barreiras, além da abordagem a todos os veículos que trafegavam principalmente na área Norte e em municípios vizinhos.

Até o início da manhã de hoje, nenhum suspeito foi localizado. A polícia não descarta a possibilidade dos assaltantes estarem escondidos em Blumenau ou cidades próximas. Por isso, nas próximas horas, as buscas aos bandidos serão intensificadas na região do matagal onde os carros usados no crime foram encontrados. Houve também o contato com a polícia do Paraná para que fiscalizem as rodovias na divisa dos Estados.

As agências de inteligência da Polícia Militar, de todos os batalhões, estão levantando informações na tentativa de encontrar rastros para chegar aos criminosos.

Foto: Polícia Militar/Divulgação

PUBLICIDADE

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: