Temporal deixa ruas alagadas e imóveis sem energia elétrica, em Blumenau

Publicidade

Foto: Portal Alexandre José

A previsão do tempo se confirmou e a chuva voltou com força a Blumenau neste fim de tarde de sábado (2). Após um dia quente o temporal caiu sobre boa parte da cidade perto das 19h30. Às 16h, a estação do AlertaBlu, que fica no Parque Ramiro, marcou a temperatura mais alta do dia: 36ºC.

Por conta do temporal muitas unidades consumidoras acabaram ficando sem energia elétrica. Mais de 3.700 imóveis estavam sem luz em Blumenau até às 20h, de acordo com a Celesc.

De acordo com dados da Defesa Civil do Estado, Blumenau registrou o acumulado de 83 milímetros de chuva em duas horas.

Em cerca de uma hora de trovoada a Defesa Civil foi acionada para nove ocorrências, sendo uma queda de barreira na R. Benígno Joaquim dos Santos, final da Rua Pastor Oswald Hess, no Ribeirão Fresco. Os outros chamados são relacionados a ruas alagadas.

Há também registro de queda de barreira na Rua Maria Pinheiro da Silva, transversal da Rua Hermann Kratz, no bairro Velha Grande. Abaixo foto enviada pela Lucimara, moradora da região.

Foto: Lucimara/Especial

Nossa esquipe percorreu as principais ruas de Blumenau ao vivo trazendo detalhes do temporal.

Os bombeiros foram acionados para duas ocorrências. Quatro pessoas ficaram presas dentro de um elevador entre o 3º e o 4º andar no Condomínio Morada das Colinas, na Vila Nova. Resultado da queda de energia. Já na Itoupava Central, na Rua Dr. Pedro Zimmermann, próximo a Malharia Cristina, uma batida de frente envolvendo dois carros deixou uma pessoa ferida e, segundo informações preliminares, presa às ferragens.

As áreas mais atingidas pela chuva foram a Rua Araranguá, no Garcia, com 59,4 milímetros, e o bairro Vorstadt, com 70,6 milímetros, no Parque Ramiro Ruediger, foram 49 milímetros e no Fidélis, 57 milímetros. Os dados são acumulados de chuva de 1 hora pelo AlertaBlu.

Por conta da quantidade excessiva de água, a tubulação não deu conta e algumas ruas acabaram tendo pontos de alagamento. É o caso da Rua Marechal Deodoro, na Velha. Rua Almirante Barroso, na Vila Nova, Rua Benjamin Constant, na Escola Agrícola, Rua Hermann Hering, no Bom Retiro, Rua dos Caçadores, no bairro Velha.

Foto: Marcos Fernandes/Especial – Rua Pernambuco/It. Seca

Veja abaixo o vídeo feito pelo Portal Alexandre José dos carros tentando passar pela Rua Marechal Deodoro para acessar a Rua João Pessoa.

PUBLICIDADE

 

1 Trackbacks & Pingbacks

  1. Temporal deixa ruas alagadas e residências sem energia elétrica em Blumenau - Destinos de Santa Catarina

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: