Início Segurança Advogado de médico perito do INSS preso pela Polícia Federal vai pedir...

Advogado de médico perito do INSS preso pela Polícia Federal vai pedir a liberação do profissional

A defesa do médico perito do INSS de Blumenau preso suspeito de cometer fraudes na concessão de benefícios do auxílio-doença e da aposentadoria por invalidez, diz que irá fazer o pedido de liberação e da possível audiência de custódia do profissional.

O advogado Charles Balbinot, informou a nossa equipe que “pela primeira análise dos documentos ditos como prova incontestes não percebemos tamanha segurança na acusação feita. Ao nosso ver não houve nenhum comprovante de benefício financeiro do indiciado e observando a perícia feita pelo agente da Polícia Federal, acerca dos benefícios concedidos e alteração da capacidade laborativa dos segurados previdenciários, esta deu-se apenas documental. Nenhum dos segurados foi levado a exame físico e isso já gera dúvidas, pois é consabido que o perito do INSS avalia a pessoa in loco, se o expert que fez o laudo trazido pela PF não fez sequer uma avaliação física, como podem imputar o crime?”

A defesa ainda continua dizendo que “o estado físico de uma pessoa pode sofrer alterações em período de curto tempo ou longo, cada caso é um caso. Mas isso são avaliações preliminares do caso, iremos agora com acesso a todo o inquérito avaliar e responder ao deflagrado contra nosso cliente e convictos da inocência dele,” finaliza.

O nome do médico suspeito ainda não foi divulgado.

ENTENDA O CASO

A Polícia Federal deflagrou a operação “Sangrando” na manhã desta quinta-feira, 30, em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul. O objetivo foi desarticular uma ação criminosa que cometia fraudes na concessão de benefícios do auxílio-doença e da aposentadoria por invalidez. Um médico perito de Blumenau foi preso suspeito de liderar o esquema de corrupção.

Os policiais chegaram por volta das 06h50min na agência da Previdência Social, em Blumenau. Quem aguardava para fazer a perícia teve de voltar para casa sem atendimento.

“Chegou uma viatura da Polícia Federal, desceram quatro policiais e entraram na agência. Uns dez minutos depois, chegou mais uma viatura com dois policiais. Depois, um servidor da agência informou que as perícias de hoje haviam sido desmarcadas por causa dessa operação”, explica o auxiliar administrativo Fabio Gebien, que terá de voltar outro dia para o atendimento.

Ao todo, 44 policiais federais e dois servidores da inteligência previdenciária cumpriram 11 mandados judiciais nas cidades de Blumenau (SC) e também em Cruz Alta (RS) e Tupanciretã (RS). O médico foi preso em casa no início da manhã. A identidade dele não foi revelada. A Polícia Federal apenas informou que ele trabalha há anos na agência de Blumenau.

A justiça decretou a suspensão do exercício da função pública do perito de Blumenau e a apreensão de todos os bens dele, para garantir a reparação do prejuízo aos cofres públicos.O valor estimado é de R$ 3,5 milhões. Segundo a Polícia Federal, os benefícios concedidos de forma fraudulenta também já foram interrompidos, evitando um prejuízo de R$ 26 milhões de reais, tendo em vista o tempo de vida dos beneficiados.

Segundo o delegado Alex Sandro Biegas, da PF em Itajaí, a situação chamou a atenção porque moradores do Rio Grande do Sul vinham a Blumenau para receber o benefício. Entre os falsos beneficiários, estão 16 pessoas de uma mesma família.

Os envolvidos vão ser indiciados pelos crimes de estelionato previdenciário, corrupção ativa e passiva, inserção de dados falsos no sistema da previdência e associação criminosa. As investigações começaram no ano passado.

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas notícias

Lista de espera do Prouni está disponível para consulta

A lista de espera do Programa Universidade para Todos (Prouni) do 1º semestre de 2021 está disponível na página do programa. Prevista para sair...

Hospital Oase esclarece comunidade sobre internações e falta de medicação

O Hospital e Maternidade Oase, em Timbó, veio a público nesta quinta-feira (04) esclarecer a comunidade sobre a situação da falta de medicamentos e...

Covid-19: Em Blumenau, dois novos óbitos e ocupação de UTI volta aos 100%

Mais dois óbitos por coronavírus foram registrados em Blumenau nas últimas 24h. Desta feita, as vítimas foram um homem de 87 anos - internado...

Manutenções em ruas de Blumenau alteram o trânsito nesta sexta-feira

Motoristas que trafegam em Blumenau devem ter atenção redobrada a partir de amanhã, devido à obras que serão executadas na cidade. Nesta sexta-feira (4),...

Feira Livre antecipa atendimento para sexta-feira em virtude de decreto

A Feira Livre de Blumenau, localizada na Rua Humberto de Campos, que tradicionalmente ocorre aos sábados, nesta semana optou por antecipar o atendimento ao...