Flagrante: Imagens mostram vítima baleada fugindo de suspeito

PUBLICIDADE

Foto: Polícia Civil

Nas imagens captadas pelas câmeras de videomonitoramento de estabelecimentos e residências onde o crime aconteceu, é possível ver a vítima, já baleada, correndo do suspeito de ter atirado contra ela. Veja a reportagem abaixo.

O estado de saúde de Luiz Carlos Farias, de 61 anos de idade, ainda é delicado segundo a assessora de imprensa do Hospital Santa Isabel. A vítima passou por um procedimento cirúrgico ontem e está aguardando leito na UTI do hospital.

O inquérito policial já foi instaurado para apurar o crime de tentativa de homicídio, embora possa evoluir para homicídio, já que a vítima ainda está em coma. O autor dos dois tiros já foi identificado pelas câmeras e também pela própria vítima à polícia.

“Estamos tratando com duas vertentes de investigação. A primeira é o tráfico de drogas, já que a vítima possuía uma passagem antiga, há mais de 10 anos. O nosso suspeito, se for confirmado, tem envolvimento com esta prática criminosa. A outra possibilidade seria algo passional vinculado com a filha de Luizão, mas ainda não há confirmação,” diz o delegado Bruno Effori.

O suspeito de atirar contra Luizão ainda não foi localizado, mas já sabe-se quem seja. Ele está foragido e, de acordo com o delegado, poderá feito o pedido de prisão preventiva dele a qualquer momento.

TENTATIVA DE HOMICÍDIO

O crime aconteceu na rua Alasca, no loteamento América do Sol, no bairro Itoupavazinha. Luiz Carlos Farias, conhecido como Luizão, foi atingido por dois disparos de arma de fogo. Um na cabeça e outro nas costas. Ele foi encaminhado ao Hospital Santa Isabel pelo Corpo de Bombeiros.

Segundo testemunhas, o autor do crime fez vários disparos, enquanto Luizão tentava fugir. Ele conseguiu correr até a residência dele para pedir ajuda. Apesar de estar consciente, ele não conseguiu dar mais detalhes sobre o crime.

A Polícia Militar fez rondas pela região, mas não localizou o suspeito de ter cometido o crime. O caso já está sendo investigado pela Polícia Civil. Segundo o delegado Bruno Effori, Luizão já teve passagem por tráfico de drogas e já há um suspeito identificado.

PUBLICIDADE

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: