Polícia Civil confirma caso de feminicídio em Apiúna – Filho é o principal suspeito de ter assassinado a própria mãe

PUBLICIDADE

Foto: Redes Sociais

A Polícia Civil de Apiúna realizou a prisão em flagrante do homem de 47 anos, suspeito de assassinar a própria mãe. Ele já está atrás das grades pelos crimes de feminicídio, tentativa de furto e lesões corporais.

O preso foi flagrado após se envolver em várias confusões em Apiúna. Segundo informações da polícia, ele invadiu uma residência, agrediu moradores e tentou furtar veículos. Na delegacia, os policiais tiveram conhecimento de que ele morava com a mãe, e foram até a residência.

“Os policiais localizaram a residência fechada, com as portas e janelas trancadas, sem sinais visíveis de arrombamento. Diante da ausência de resposta do interior da casa, eles entraram no imóvel, localizando o corpo da idosa em um dos cômodos”, explica o delegado responsável pelo caso Renan Pellez Scandolara.

A idosa de 75 anos estava com marcas de enforcamento em um quarto. Ela teria sido morta um dia antes da prisão do filho, que é o principal suspeito de ter cometido o crime.

“Os indícios dão conta de que a tentativa de furto de veículos cometidos na data de hoje (18/07/2018) foram praticados em decorrência do homicídio qualificado ocorrido na noite anterior. O suspeito visava a evadir-se do distrito da culpa”, ressalta Scandolara.

O delegado de Polícia representou ao Poder Judiciário pela conversão da prisão em flagrante em prisão preventiva.

PUBLICIDADE

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: